Currículo do Mar

Tu nunca foste ao fundo do mar e não sabes como lá tudo é bonito. Há florestas de algas, jardins de  anémonas, prados de conchas. Há cavalos-marinhos suspensos na água com um ar espantado, como pontos de interrogação. Há flores que parecem animais e animais que parecem flores…”
(Sophia de Mello Breyner Andersen, na sua “Menina do Mar”).

Portugal - País euro-atlântico
       
Fechado o ciclo histórico ultramarino de mais de 500 anos - iniciado em 1415 com a conquista de Ceuta e findo em 1975 (com as independências dos territórios africanos) ou em 1999 (com a entrega de Macau à China e a independência de Timor, considerado pelas Nacões Unidas como território português até 30 de Agosto desse ano), Portugal assume, neste século XXI, a configuração de país euro-atlântico. Na verdade, as suas fronteiras económica e geográfica terrestre  ainda são europeias ou são as fronteiras ocidentais da própria Europa, enquanto as fronteiras cultural e de defesa  se podem considerar maioritariamente atlânticas. Nesta configuração político-geográfica, Portugal é visto como periférico em relação à Europa e como centralidade atlântica, relativamente ao resto do mundo. No mundo, Portugal é, ainda hoje e sobretudo, visto ou referenciado por esta centralidade atlântica ou competência oceânica, quer no subconsciente popular (mais virado para o passado) quer nas publicações científicas especializadas (muito atentas às realidades atual e prospetiva).

Os territórios imersos do Atlântico - o Portugal Azul - irão seguramente reforçar esta imagem de centralidade atlântica e competência oceânica do nosso País (ver O Oceano).
        
Nas próximas décadas Portugal será, pois e ainda mais, um país euro-atlântico em que esta segunda componente reforçará a primeira, também no plano económico e geográfico, num todo que importa seja equilibrado e potenciador da nossa afirmação no mundo, mais globalizado e interdependente do que alguma vez o foi anteriormente. 

Porquê um Currículo do Mar? 
 
Constata-se que os currículos tradicionais não contemplam devidamente o conhecimento desta realidade nacional e mundial em todas as suas dimensões, assim como não preparam os jovens cidadãos portugueses ou residentes em Portugal para desenvolverem estudos mais aprofundados a nível universitário ou para se integrarem na vida activa, com os instrumentos de saber e de saber fazer indispensáveis, face aos desafios e oportunidades que Portugal coloca ou oferece, hoje e nas próximas décadas.
         
Portugal, nas últimas décadas, tem vindo a diminuir drasticamente as suas competências e força económica na área marítima em geral e chega ao momento histórico contemporâneo sem todas as armas que podia ter e de que precisa para enfrentar tais desafios e aproveitar tais oportunidades, ainda e mais acentuadamente reforçados nestes anos. Esta situação, que aumentou as dificuldades actuais, deveu-se a uma estranha ignorância sobre si próprio e as suas potencialidades e a um perigoso alheamento quanto à necessidade de preparação adequada das suas populações e quadros para conhecer, aproveitar e desenvolver essas potencialidades. Hoje, assiste-se a uma progressiva consciencialização da importância do Oceano em geral e da importância e oportunidades que o Oceano traz e oferece a Portugal e aos Portugueses. É indispensável reforçar essa consciencialização com os conhecimentos adequados.
         
Não se trata apenas de saberes e de saberes fazeres a aprender em estudos superiores ou técnico-profissionais. Trata-se antes, aqui e agora, de conhecimentos e aptidões que devem ser adquiridos no Ensino Secundário, no Ensino Básico e introduzidas em certos pontos a partir do Pré-Escolar, num conjunto harmonioso e progressivo, paralelo aos outros processos de aquisição de conhecimentos para crianças e jovens a frequentar esses graus de ensino. Em alguns casos, são estes saberes ou instrumentos, eles mesmos, facilitadores da aprendizagem de disciplinas básicas.
        
O Colégio Euro-Atlântico assume a sua responsabilidade de escola atenta à realidade contemporânea e ativa na resposta que entende ser dada, quando decide introduzir transversalmente às várias disciplinas curriculares e nas actividades de complemento curricular,  um conjunto de temas e actividades adequados a colmatar as lacunas apontadas. Recolhe os mais competentes, desenvolvidos e actuais contributos disponíveis e adapta os mesmos às condições, suas e da sua Comunidade Educativa.
        
Ao longo de 3 anos (2012-15) foram progressivamente dados os passos necessários à implementação do Currículo do Mar. No ano lectivo de 2012/13, começou a preparar este Currículo do Mar e deu início à formação específica dos seus professores nestes temas. No ano lectivo de 2013/14, deu início às actividades lectivas e de complemento curricular e continuou a formação dos seus professores. No ano lectivo de 2014/15, completou as adaptações das atividades letivas e de complemento curricular. No final de cada ano lectivo foi feita uma avaliação global das medidas e ações desenvolvidas e dos seus resultados.
         
A Comunidade Educativa foi permanentemente informada deste processo de implementação do Currículo do Mar, paralelamente às informações sobre toda a actividade do Colégio.
 
Compreender o Oceano

 

cavalo_marinho.jpg
fundo_do_oceano.jpg
cavalo_marinho2.jpg

Se o pretender, pode agilizar duma forma cómoda o processo de inscrição, pedindo a marcação de entrevista por esta via.

PORQUE ESCOLHER-NOS

A construção de boas relações interpessoais em toda a Comunidade Educativa,
simultaneamente como ambiente de trabalho mais feliz e mais eficaz e como aprendizagem para a vida.
Promovemos o conhecimento e o relacionamento entre todos.
Criamos e praticamos o Espírito de Família.

Instituição, Missão & Visão

Às necessidades educativas das crianças e jovens em todo o seu percurso de vida pré-universitária, do Pré-Escolar ao Ensino Secundário, com qualidade, eficiência e exigência, numa perspetiva dinâmica e de constante aperfeiçoamento.

Projeto Educativo

Que os nossos alunos tenham conhecimento profundo sobre as diferentes disciplinas ou áreas curriculares, mas também saibam ser trabalhadores, atentos às mudanças, criativos e inovadores, solidários e respeitadores da diversidade do outro.

Espaços Educativos

Os espaços educativos do Colégio Euro-Atlântico encontram-se localizados na freguesia de S. Mamede de Infesta, no extremo dos concelhos do Porto e de Matosinhos, na confluência da Via Norte / Circunvalação e no prolongamento da Via de Cintura Interna.

Currículo do Mar

Nas próximas décadas Portugal será, pois e ainda mais, um país euro-atlântico em que esta segunda componente reforçará a primeira, também no plano económico e geográfico, num todo que importa seja equilibrado e potenciador da nossa afirmação no mundo, mais globalizado e interdependente do que alguma vez o foi anteriormente.
logo_blueschool.png
team-blue-school-escolas.png

Últimas Notícias

  • Resultados das candidaturas ao ensino superior (primeira fase) dos alunos que frequentaram o Colégio Euro-Atlântico no 12º ano de 2016/17: Alunos admitidos em cursos de primeira escolha: 92% Alunos admitidos em cursos de segunda escolha: 8% Nota: a média percentual…

Parceiros

Contactos

Colégio Euro-Atlântico

Rua do Tronco 4465-274 S. Mamede de Infesta
(confluência Via Norte / Circunvalação)
Tel: 229 069 330 | Fax: 229 060 314